segunda-feira, janeiro 08, 2007

Amada

De tanto amar-te
Abatido ficou meu amor...
Descubro-te, novamente, no olhar
De quem se apaixona.